Rita Branco candidata-se para dar maior dinamismo ao CRF da Ordem dos Advogados

Rita Branco, advogada em Loulé (Almancil), é candidata à Presidência do Conselho Regional de Faro (CRF) da Ordem dos Advogados Portugueses (OA) para o triénio 2020-2023, cujas eleições se realizarão em novembro deste ano.

A decisão de Rita Branco em avançar com a sua candidatura para a Presidência do Conselho Regional, justifica-se pela necessidade que sentimos de que “este órgão necessita de uma nova força e ímpeto na defesa intransigente do Advogado, do seu prestígio e dos seus direitos”. 

Para Rita Branco o Conselho Regional de Faro da Ordem dos Advogados tem de ser mais ativo e dinâmico, pois “não deve ser apenas um centro de estágio e formação. Na nossa opinião, necessita de haver uma luta eficaz contra procuradoria ilícita na região, uma política de apoio aos colegas e um plano de formação mais abrangente, diversificado, coerente e coordenado em estreita ligação com as Delegações”.

De referir que a candidatura presidida por Rita Branco, neste momento, ainda sem estar formalizada conta já “com o apoio de advogadas e advogados de toda a região do Algarve”, sendo de sublinhar que muitos já revelaram manter connosco “estreita colaboração” no sentido de se “construir um projeto único e vencedor para e pelos advogados” de todo o Algarve.

Refira-se que Rita Branco formou-se na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, pós-graduada em Fiscalidade e em Direito do Urbanismo e da Construção, fez parte da ANJAP – Associação Nacional de Jovens Advogados Portugueses, onde foi membro do Conselho Nacional de 2001 a 2010. Entretanto, em 2008, integrou a Delegação de Loulé da Ordem dos Advogados (AO) na qualidade de Tesoureira, tendo exercido o cargo de Presidente entre 2011 e 2016. Em 2017 tomou posse como Vogal no Conselho Geral da OA em Lisboa como representante da Região do Algarve.

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *